Literalingua


Caderno de Lingua e Literatura Galega para as alumnas e alumnos de Bacharelato do IES Breamo
 SECCIÓNS
 FOTOBLOGOTECA
 RECOMENDADOS
 BUSCA NESTE BLOG

Grândola
Grândola, vila morena foi composta por Zeca Afonso como homenaxe á "Sociedade Musical Fraternidade Operaria Grandolense" no municipio de Grândola, no "Alentejo" (lembrade que o "jo" portugués lese moi parecido ao galego "xo", non ao "jo" do castelán), onde actuou no día 17 de Maio de 1964.

Esta canción fíxose famosa ao ser escollida como sinal para a revolución do 25 de abril de 1974 en Portugal. Houbo dous sinais. O primeiro, ás 23h, foi a canción E despois do adeus, de Paulo de Carvalho. Grândola, que foi o segundo sinal, foi emitida no programa "Limite" de Radio Renascença ás 0.20h do día 25. Foi o sinal para o arrinque das tropas de Lisboa e a confirmación de que a revolución gañaba terreo.

Grândola, vila morena simboliza non só a Revolución dos Caraveis ou dos Cravos en Portugal, senón tamén as ansias de liberdade de todos os pobos oprimidos polas ditaduras.



Grândola, vila morena
Terra da fraternidade,
O povo é quem mais ordena
Dentro de ti, ó cidade.
Dentro de ti, ó cidade
O povo é quem mais ordena,
Terra da fraternidade
Grândola, vila morena.

Em cada esquina um amigo
Em cada rosto igualdade,
Grândola, vila morena
Terra da fraternidade.

Terra da fraternidade
Grândola, vila morena
Em cada rosto igualdade
O povo é quem mais ordena.

À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade
Jurei ter por companheira
Grândola a tua vontade.

Grândola a tua vontade
Jurei ter por companheira,
À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade.


Comentarios (0) - Categoría: 054. Canción protesta noutras linguas - Publicado o 30-01-2009 12:58
# Ligazón permanente a este artigo
Chuza! Meneame
Deixa o teu comentario
Nome:
Mail: (Non aparecerá publicado)
URL: (Debe comezar por http://)
Comentario:
© by Abertal

Warning: Unknown: Your script possibly relies on a session side-effect which existed until PHP 4.2.3. Please be advised that the session extension does not consider global variables as a source of data, unless register_globals is enabled. You can disable this functionality and this warning by setting session.bug_compat_42 or session.bug_compat_warn to off, respectively in Unknown on line 0