Caderno da Coordenadora de Equipas de Normalización Lingüística de Ferrolterra








clocks for websitecontadores web


anuncia o portal na túa web





O meu perfil
cequipnormalizacion@gmail.com
 CATEGORÍAS
 FOTOBLOGOTECA
 RECOMENDADOS
 BUSCADOR
 BUSCAR BLOGS GALEGOS
 ARQUIVO
 ANTERIORES

Mirando a historia con outros lentes
A nossa Idade Meia vista por um muçulmano


Na Espanha semelha que há uma História oficial e qualquer interpretação distinta dos feitos históricos é pura manipulação; mais suponho que isto acontence em todos lados.

Esta linha oficial significou que me aprenderam na escola que Castelao foi um grande caricaturista galego, que o rei Afonso X de Castela era algo extravagante por escrever em galego (portugues) e que o Reino da Galiza foi uma anedota historica.

Este Natal merquei a tradução ao inglês da Muqqadimah de Ibn Khaldun. A Muqqadimah é livro sob historiografia escrito no século XIV no que se fala de muitos conceitos próprios das tendências historiograficas modernas.

Fiquei surpreendido quando chama galegos ao cristãos europeios. Franz Rosenhal, o tradutor, nem sequer fiz uma nota ao pê de página para aclarar quem eram estes ?galegos?. Suponho que alguma vez nesta esquina de Europa houvo uma vez um povo influinte, mas nunca tal me contaram.

Mas as referencias aos galegos não remataram; eis outra cita, esta muito mais contundenten:

Capitulo 22: The Vanquished always want to imitate the victor in his distinction characteristics, his dress, his occupation, an all his other conditions and customs.

[?]This gos so far that a nation dominated by another, neighbouring nation will show a great deal of assimilation and imitations. At this time (sec XIV), this is the case in Spain. The Spaniards are found to assimilate themselves to the Galician nations in their dress, their emblems, and most of their custom and conditions.

Traduzido:

Capitulo 22: Os vassalos sempre querem imitar ao vencedor nas suas caracteristicas distintivas, a sua roupagem, a suas ocupações e outras condições e costumes.

[?]Isto ainda quer dizer que em uma nação dominada por outra, as nações vizinhas têm uma grande assimilação e imitação. Hoje em dia este o o caso de Espanha. Os espanholes assimilam as nações galegas em roupagem, emblemas e muitos dos seus costumes e condições.

Há que ter cuidado coa interpretação desta passagem, já que eu entendo que os ?espanholes? seria Al-Andalus e as ?Nações galegas? os reinos cristãos do norte da Península Ibérica. Ainda assim, Ibn Khaldun identifica aos reinos do norte com os galegos, o que viria indicar uma supremacia política, económica e cultural que deveu existir em algum momento da historia.

Não vou utilizar isto como argumento para justificar demandas históricas. O unico que digo é que para compreender quem somos é imprescindível saber quem fomos.

Saber que tivemos um passado influente poderia ajudar-nos a recuperar a ilusão polo futuro.

Tirado do blog de Rodrigo Varela Tabuyo
Se queres ver o blog do autor pica aquí.
Comentarios (0) - Categoría: 00-Xeral - Publicado o 15-02-2007 11:16
# Ligazón permanente a este artigo
Chuza! Meneame
Deixa o teu comentario
Nome:
Mail: (Non aparecerá publicado)
URL: (Debe comezar por http://)
Comentario:
© by Abertal

Warning: Unknown: Your script possibly relies on a session side-effect which existed until PHP 4.2.3. Please be advised that the session extension does not consider global variables as a source of data, unless register_globals is enabled. You can disable this functionality and this warning by setting session.bug_compat_42 or session.bug_compat_warn to off, respectively in Unknown on line 0